Conheça imóveis históricos pelas ciclovias das avenidas Paulista e Consolação até a República

bike

por Claudia Ratti

O Blog do DPH preparou um roteiro para você (re)conhecer mais de 15 patrimônios históricos de São Paulo usando a ciclovia. O trajeto, de 6 km, começa na Avenida Paulista e vai até a praça da República, passando por imóveis de variados tipos, desde casarões ecléticos a edifícios de arquitetura moderna.

Durante o caminho é possível parar em estabelecimentos tradicionais ou sediados em edifícios históricos: o café da Casa das Rosas e o Bar Riviera, próximo à rua da Consolação; o Chamon, já tradicional buffet por quilo, na Galeria Metrópole; e os restaurantes Da Giovanni e Almanara (a unidade mais antiga, com decoração anos 1950), na rua Basílio da Gama.

Se quiser mais informações sobre os imóveis da lista abaixo, você pode consultar o Guia de Bens Culturais da Cidade de São Paulo.

PARTE 1: AVENIDA PAULISTA
Saindo da estação Brigadeiro do metrô, volte três quarteirões no sentido Paraíso (veja o mapa abaixo) para conhecer os dois primeiros imóveis do roteiro. Depois pegue a ciclovia no sentido Consolação para seguir o restante do trajeto, que tem16 imóveis.

pauls

Casa das Rosas (1938, Escritório Técnico Ramos de Azevedo)
Casarão eclético que hospeda o Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura.

Escola Estadual de 1º Grau Rodrigues Alves (1917-19, Ramos de Azevedo)
Os elementos clássicos da arquitetura de Ramos de Azevedo estão presentes no prédio: telhados ocultos, janelas sóbrias, fachada simétrica e alongada.

Edifício Nações Unidas (dec.1950, Abelardo de Souza)
Conjunto de edifícios modernos residencais que unem expressão artística e arquitetura com o painel de azulejos de Clóvis Graciano.

Conjunto Edifícios Pauliceia e São Carlos do Pinhal (1955-59, Jacques Pilon e Giancarlo Gasperini)
Os dois blocos paralelos entre as alamedas constituíram uma proposta moderna para a implantação de edifícios residenciais.

Masp (1960-69, Lina Bo Bardi)
Marco da arquitetura do século 20, o edifício projetado por Lina Bo Bardi tem um dos maiores vãos livres do mundo.

Parque Trianon (1892, Paul Villon)
Projetado pelo paisagista francês Paul Villon, o parque ainda tem vestígios de Mata Atlântica.

Edifício do Banco Sul Americano do Brasil (dec.1960, Rino Levi e Roberto Cerqueira César)
O edifício moderno fez parte da mudança do centro comercial e financeiro da cidade do Centro para a avenida Paulista.

Casarão nº 1919 (1905)
De arquitetura eclética, a casa foi construída quando a avenida começou a ser ocupada.

Conjunto Nacional (1955-62, David Libeskind)
Considerado o primeiro shopping center da América Latina, seu térreo aberto aos pedestres o torna um exemplo de edifício bem integrado à cidade.

Edifício Três Marias (1956, Abelardo de Souza)
Outro edifício moderno, com três blocos e planta em L. Os balcões alternados conferem interesse e movimento à fachada.

MAPA_AV-PAULISTA
MAPA_AV-PAULISTA2
PARTE 2: CONSOLAÇÃO
Após percorrer a avenida Paulista, desça toda a rua da Consolação até a Biblioteca Mário de Andrade. Se quiser, entre na rua Nestor Pestana para conhecer o Copan.

cons

Cemitério da Consolação (1858-1902, Ramos de Azevedo)
Considerado um museu a céu aberto, tem obras de grandes escultores.

Chácara Lane (1890-1906, Ramos de Azevedo)
Em arquitetura residencial eclética, o espaço já foi sede do Arquivo Histórico de São Paulo.

Biblioteca Mário de Andrade (1938-42; Anteprojeto, Pilon e Matarazzo)
Destaca-se na paisagem pela contraposição de volumes no edifício e pelos ornamentos que fazem referência à art déco. Entre 2007 e 2010, passou por obras de manutenção e modernização.

MAPA-CONSOLAÇÃO

PARTE 3: REPÚBLICA
Entre na rua Bráulio Gomes e cruze a praça Dom José Gaspar até a avenida São Luís seguindo para  a praça da República, destino final.

rep

Galeria Metrópole (1959, Salvador Candia e Giancarlo Metropolitano)
Mais um exemplo da arquitetura moderna na cidade, foi um ponto comercial luxuoso nos anos 1960 e começo dos 1970.

Edifício Itália (dec.1960, Adolf Franz Heep)
Construído no período de verticalização do centro de São Paulo, tem uma das vistas mais bonitas da cidade.

Edifício Esther (1938, Álvaro Vital Brasil e Adhemar Marinho)
De concreto armado, planta livre e piso térreo sobre pilotis, é um marco da arquitetura moderna de São Paulo.

Edifício de Educação Caetano de Campos (1890-94, Escritório Técnico Ramos de Azevedo)
O edifício eclético é símbolo da arquitetura da educação no período republicano.

MAPA-REPUBLICA

MAPA_GERAL

SERVIÇO

Casa das Rosas
Av. Paulista, 37
Horário de funcionamento: de terça a sábado, das 10h às 22h/ domingos e feriados das 10h às 18h
Grátis
www.casadasrosas.org.br

Masp
Av. Paulista, 1578, Bela Vista
Horário de funcionamento: terça a domingo, das 10h às 18h (bilheteria aberta até 17h30)/ quinta-feira, das 10h às 20h (bilheteria até 19h30)
Ingressos: R$ 25 (entrada) e R$ 12 (meia-entrada)
O MASP tem entrada gratuita às terças-feiras, durante o dia todo (10h às 18h).
www.masp.art.br

Parque Trianon
Av. Paulista s/n
Horário de funcionamento: diariamente, das 6h às 18h
Grátis

Conjunto Nacional
Av. Paulista, 2073
Horário de funcionamento: Centro comercial (piso térreo) – de segunda a sábado, das 7h às 22h/ domingos e feriados, das 10h às 22h; Edifícios comerciais – de segunda a sexta, das 7h às 22h/ sábados das 7h às 19h

Copan
Av. Ipiranga, 200
Horário de visitação: de segunda a sexta, 10h30 e 15h30
Grátis
www.copansp.com.br

Biblioteca Mário de Andrade
R. da Consolação, 94
24 horas
www.bma.art.br

Chácara Lane
R. da Consolação, 1024
Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 9h às 17h/ segunda, fechado

Galeria Metrópole
Av. São Luís, 187
Horário de funcionamento: segunda, terça, quarta, quinta e sábado, das 9h às 22h/ sexta das 9h à 00h/ domingo, fechado
Grátis

Edifício Itália
Av. Ipiranga, 344
Horário de visitação: de segunda a sexta, das 16h às 17h
www.edificioitalia.com.br

RESTAURANTES/BARES

Restaurante Caffe Ristoro Casa das Rosas
Av. Paulista, 37, Paraíso
Horário de funcionamento: terça a sábado, das 8h às 22h/ domingo e segunda das 8h às 19h

Bar Riviera
Av. Paulista, 2584
Horário de funcionamento: de segunda a quarta, das 12h às 15h e das 18h às 00h/ quinta das 12h às 15h e das 18h às 01h/ sexta das 12h às 15h e das 18h às 04h/ sábado das 12h às 04h/ domingo das 12h às 00h
www.rivierabar.com.br

Chamon
Avenida São Luís, 187 – 1º Andar
Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 11h às 15h30
www.restaurantechamon.com.br

 Almanara
R. Basílio Da Gama, 70
Horário de funcionamento: de segunda a domingo, das 11h30 às 23h

Da Giovanni
R. Basilio Da Gama 113
Horário de funcionamento: de segunda a sábado, das 11h às 20h/ domingo, fechado

Bicicleta no Metrô
Segunda a sexta: a partir das 20h30 até o último trem (meia noite)
Sábado: a partir das 14h00 até o último trem (01h00)
Domingo e feriados: durante todo o funcionamento do Metrô, das 4h40 à meia-noite