XII Semana do Patrimônio 2017

blog-semana-capa

XII Semana do Patrimônio ocorre entre os dias 15 a 18 de agosto com o tema “Construindo Histórias”. O evento busca ampliar a reflexão e o debate sobre os principais avanços técnicos e de gestão do patrimônio cultural, seja ele arquivístico, museológico, material ou imaterial, estimulando a troca de experiências entre pesquisadores, estudantes, profissionais do patrimônio, intelectuais da área e demais atuantes no município de São Paulo e outras regiões do Brasil.

As incrições para o evento devem ser feitas pelo formulário online.

Neste ano, o evento ocorrerá pela manhã na Praça das Artes e à tarde no Solar da Marquesa de Santos e terá oito mesas temáticas. A mesa de abertura terá Ruy Ohtake, Eneida de Almeida e Mônica Junqueira de Camargo discutindo os desafios para a efetiva preservação da arquitetura moderna. A mediação será de Anna Beatriz Ayrosa Galvão. Veja abaixo informações completas sobre todas as mesas e o passeio noturno que fazem parte da programação:

 

PROGRAMAÇÃO SEMANA DO PATRIMÔNIO 2017

1º dia | 15.08.2017, terça-feira

Solar da Marquesa

  • 13h-14h    Credenciamento
  • 14h-17h    Reunião técnica com instituições conveniadas com DPH
    Apresentação dos resultados atingidos através dos convênios firmados entre o DPH e as instituições e as associações da cidade de São Paulo. Avaliação da continuidade das parcerias já estabelecidas e da possibilidade de se realizar novas parcerias e novos projetos de pesquisa.

 

2º dia | 16.08.2017, quarta-feira

Praça das Artes

  • 9h-10h    Credenciamento
  • 10h-12h    Intervenções contemporâneas e preservação da arquitetura moderna
    Mediador: Anna Beatriz Ayrosa Galvão (Escola da Cidade)
    Palestrantes:
    _ Ruy Ohtake
    _ Eneida de Almeida (Universidade São Judas Tadeu)
    _ Mônica Junqueira de Camargo (CPC-USP | FAU-USP)
    Debate sobre os desafios para a efetiva preservação da arquitetura moderna; sobre os projetos de intervenções ou ampliações desses edifícios, levando em conta que autores originais ainda estão atuantes; e sobre a preservação desses imóveis, técnica e conceitualmente.
  • 12h-14h    Almoço

Solar da Marquesa

  • 14h-16h    Documentação como preservação
    Mediador: Walter Pires (DPH)
    Palestrantes:
    _ Sabrina Fontenele (CPC-USP | IFCH-Unicamp)
    _ Elisabete Watanabe (Condephaat)
    _ Renato Anelli (Instituto Lina Bo e P. M. Bardi | IAU-USP)
    Discussão sobre questões relativas à documentação dos projetos de arquitetura, o registro das intervenções realizadas e o acesso a tais informações, entendendo a documentação como parte importante do processo de preservação.
  • 16h-16.30    Intervalo
  • 16h30-18h    Acervos arquivísticos: organização e acesso
    Mediador: Luis Soares de Camargo (AHM)
    Palestrantes:
    _ Sonia Maria Troitiño Rodriguez (CEDEM-Unesp)
    _ Gabriel Moore Forell Bevilacqua (Iacs-UFF)
    _ Marcelo Quintanilha (Arquivo do Estado SP)
    Reflexões sobre os projetos de digitalização dos acervos como uma prática contraditória entre a necessidade da preservação do documento original e o fácil acesso ao documento online. A mesa irá debater também questões a respeito de direito autoral e de sigilo.

 

3º dia | 17.08.2017, quinta-feira

Praça das Artes

  • 10h-12h    Novos modelos de organização e gestão
    Mediador: Mariana de Souza Rolim (DPH)
    Palestrantes:
    _ Ana Maria de Almeida Camargo (FFLCH – USP)
    _ Washington Fajardo
    _ Maria Ignez Mantovani (Expomus)
    Reflexões sobre a necessidade de se encontrar soluções para o fomento da preservação do patrimônio, para além de recursos governamentais, no cenário brasileiro e também sobre quais são os desafios e as possibilidades de participação da sociedade civil nesse processo.
  • 12h-14h    Almoço

Solar da Marquesa

  • 14h-16h    Novas tecnologias e a gestão contemporânea da arqueologia
    Mediador: Paula Nishida Barbosa (DPH)
    Palestrantes:
    _ Lúcia Juliani (A Lasca Arqueologia)
    _ Viviana Lo Monaco (Labeca-MAE-USP)
    _ Regina Helena Rezende Bechelli (IPHAN-SP)
    Reflexões sobre o uso das novas tecnologias, como o escaneamento a laser e as técnicas de recomposição digital na arqueologia. A mesa irá debater também o futuro da política de descarte dos materiais arqueológicos frente a essas novas tecnologias.
  • 16h-16.30    Intervalo
  • 16.30-18h   O Museu da Cidade de São Paulo e sua coleção arquitetônica: usos e desafios
    Mediador: Andréa Dias Vial (Museu da Cidade de SP)
    Palestrantes:
    _Regina Ponte (UPPM)
    _ Mauricio Rafael (MCSP)
    _ Júlia Anversa (MCSP)
    Discussão sobre as possibilidades e os desafios enfrentados ao se estabelecer instituições museológicas em bens tombados uma vez que o edifício também passa a ser um acervo a ser exibido.
  • 20h-22h   Passeio noturno pelo centro, observando as permanências e mudanças na região

 

4º dia | 18.08.2017, sexta-feira

Praça das Artes

  • 10h-12h    Patrimônio imaterial e sua salvaguarda
    Mediador: Mariana de Souza Rolim (DPH)
    Palestrantes:
    _ Marcos Rabelo (IPHAN-SP)
    _ Silvana Rubino (IFCH-Unicamp)
    _ Verônica Tamaoki (Centro de Memória do Circo)
    Discussão sobre as questões relativas ao patrimônio imaterial, em especial na questão da elaboração e implantação de planos de salvaguardada e também sobre a possibilidade das metodologias tradicionais serem aplicadas aos patrimônios imateriais imersos em meio à complexidade urbana.
  • 12h-12.30    Encerramento
    _ Cyro Laurenza (CONPRESP) e Mariana de Souza Rolim (DPH)